quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

Indústria automotiva prevê 30 mil novos empregos até 2020 na região Sul Fluminense

O presidente da Representação Regional FIRJAN/CIRJ no Sul Fluminense, Edvaldo de Carvalho, e o presidente do Cluster Automotivo e vice-presidente de Produção e Logística da MAN Latin America, Adilson Dezoto, divulgaram nesta terça-feira, dia 26, balanço do primeiro semestre de trabalho do Cluster, que reúne representantes de 17 empresas. O Cluster divulgou suas estimativas de crescimento para o Sul Fluminense e propostas de ações necessárias para que as cidades da região acompanhem esse ritmo, com ampliação de infraestrutura. As empresas projetam mais 15 mil empregos diretos e 30 mil indiretos até 2020.

O crescimento da atividade industrial deve aumentar o tráfego na Rodovia Presidente Dutra em mais de 120% elevando o fluxo diário de veículos de 4.900 para 11.500. “Neste caso, o Cluster tem trabalhado para mostrar ao poder público a importância de se agilizar projetos já existentes para a região, como a Avenida do Contorno que ligará Itatiaia, Resende, Porto Real e Quatis à Terceira Faixa da Dutra, que liga Resende a Porto Real com extensão para o sentido de Itatiaia, entre outros”, detalha Adilson.

 Até 2017, a demanda das empresas do setor por maior oferta de energia crescerá em 50%. A capacidade da distribuição da energia tem gerado constantes interrupções e variações de tensões e vem provocando prejuízos, tanto para o setor industrial quanto para a população. Outro pleito do Cluster é por mais investimentos nessa área, como ampliação da capacidade de distribuição.  O Cluster deve buscar junto às concessionárias de telecomunicações e à ANATEL a viabilização de novos projetos para ampliação e melhorias nos serviços de voz e dados, com tecnologia mais avançada.

 Fonte: Assessoria de Comunicação FIRJAN

Nenhum comentário:

Postar um comentário