segunda-feira, 10 de junho de 2013

Estudantes têm 4.000 chances de estágio e trainee no Rio

Jovens ganham atenção e mérito no mercado e as empresas pagam de R$ 800 a R$ 2.500 no estado

Há cerca de 4 mil oportunidades de estágio e trainee para o estudante que procura a primeira chance no mercado de trabalho no Estado do Rio. Instituições como o Centro de Integração Empresa-Escola (Ciee), Mudes e Nube estão com divulgação em massa para mostrar as portas de entrada desses jovens na carreira. Empresas de grande porte também começam a abrir inscrições para programas e processos que vão bombar nos próximos meses e vão até agosto.
A oferta de vagas fica mais aquecida entre junho e agosto, que é o período no qual iniciam-se diversos programas de seleção. Nessa época, as empresas submetem o candidato a processos rigorosos e que valem à pena o esforço. Segundo Alice Ferruccio, diretora de conteúdo temático na Associação Brasileira de Recursos Humanos do Rio (ABRH-RJ), os tempos de “cafezinho” acabaram.
“A figura do estagiário que serve para buscar o café chegou ao fim. Hoje temos jovens se qualificando bastante e tendo acesso a benefícios diversos, como alimentação, transporte, estacionamento, plano de saúde, plano dental, programas de treinamento”, diz Alice. A especialista conta até que escutou casos de programas que financiavam um curso de especialização, o MBA, para os candidatos.
A corrida para ser estagiário ou trainee hoje está valendo muito a pena. A própria especialista afirma que, dependendo do porte, setor e região onde está a companhia, um estagiário pode receber de R$ 800 a R$ 2.500. O trainee, por sua vez, tem salário em torno de R$ 3 mil quando em treinamento. Ao término dessa etapa, há um salto de 20%, chegando a R$ 5 mil.
Para chegar nesse patamar de remuneração, claro, é preciso correr atrás de qualificação. Melhor ainda se for gratuita, como aquela oferecida pela Faetec. Celso Pansera, presidente da fundação, afirma que quem estuda por lá consegue estágio ou emprego logo nos primeiros meses de curso em empresas como Petrobras, Instituto Hemorio, Chemtech Engenharia, Eletrobrás, Marinha do Brasil e Michelin, entre outras.
Pansera explica esse sucesso: “Os estudantes daqui saem preparados para as mais diversas atividades e recebem além de orientação técnica e prática, palestras e aulas de boa conduta para o relacionamento no ambiente de trabalho”.
Na Faetec, cursos com maior concorrência dão maior visibilidade para o mercado e chances de estágio ou trainee. Eletromecânica (863), Segurança do Trabalho (623) e Automação Industrial (620) são os que mais têm inscritos.

Hora de entrar no mercado
Ciee - Só no Centro de Integração Empresa-Escola (Ciee) são mais de 2 mil chances em estágio no estado. Para tentar um dos postos, basta se cadastrar no Ciee, que fica na Rua da Constituição 67, ou pelo telefone (21) 3535-4545. Veja também: www.ciee.org.br.
Nube - Para junho e julho, o Nube conta com 4.500 oportunidades para estágio e trainee em todo o país. Do total, 500 são para o Estado do Rio. Para tentar um dos postos, basta se cadastrar e candidatar pelo endereço www.nube.com.br.
Ambev - O programa de trainee da Ambev está com inscrições abertas. Para se candidatar, é preciso fazer cadastro em www.estagioambev.com.br. Só em 2102, 120 mil se inscreveram para estágio e 200 foram recrutados.
Grupo AG - O Grupo Andrade Gutierrez está com inscrições abertas para 100 vagas de trainee no exterior. É possível se candidatar até 30 de agosto pelo site específico: www.traineeag.com.
Oi - A operadora Oi está com 100 vagas para estágio. Interessados podem tentar as chances de Estágio Superior e Técnico por meio do site www.oi.com.br/euquerotrabalharnaoi. Só em 2012, 130 jovens foram efetivados por lá.
Vivo - O Programa de Estágio da Telefônica Vivo também está com vagas. Candidate-se em: http://novo.vagas.com.br.


Nenhum comentário:

Postar um comentário